Pesquise por hashtags, nomes, e assuntos Pesquisar

Fechar

4 brincadeiras divertidas e diferentes para fazer no Dia das Crianças

A Barata Diz Q Tem

Brincar é a principal atividade das crianças. Estar junto, participar e interagir nesse momento faz com que possamos atribuir à brincadeira um novo sentido. Valores e virtudes são agregados e a gente consegue sentir e conhecer cada vez mais o universo dos nossos pequenos.

A grande questão é conseguir ser criativo e dinâmico para acompanhar esse ritmo imagético que é nato das crianças. O legal é trazer para eles brincadeiras novas e cheias de aventuras. Que tal começar a entrar nesse mundo mágico no Dia das Crianças? Abaixo separamos várias brincadeiras divertidas e diferentes pra vocês experimentarem!

1 – Incentive a construção dos próprios brinquedos

Habitualmente, compramos brinquedos e esperamos que eles deem conta de divertir as crianças. E isso acontece, claro. Principalmente porque a criança tem uma alta capacidade imaginativa. Entretanto, que tal mudar essa dinâmica e passar uma tarde com seu filho, construindo brinquedos?

Uma das propostas dos brinquedos educativos é colocar as crianças como agentes principais das brincadeiras. Trazer para elas possibilidades que vão além de simplesmente executar. Além de procurar lojas especializadas, você também pode construir brinquedos a partir de sucatas e objetos recicláveis que estão aí na sua casa.

2 – Brinque de mini-chef

Quem já ouviu a mãe dizendo pra nunca brincar com a comida? Ah! Mas, é tão bom ir com as crianças para a cozinha! Separar a receitinha, escolher os ingredientes, pegar os utensílios e mão na massa.

Podemos entrar no mundo do faz de conta. Simular que a cozinha é um desses famosos programas de culinária. Vale criar uma disputa de mini chefs, passar dicas preciosas das receitas ou até montar pratos divertidos e super diferentes do comum. O importante é transformar a hora de fazer a refeição em um momento de aprendizado, diversão, carinho e convivência.

Os benefícios de cozinhar com as crianças são inúmeros e essa brincadeira pode se transformar em um estímulo precioso para os pequenos que tem alguma dificuldade escolar ou motora.

3 – Coloque músicas (e dance)

Essa é uma brincadeira muito rica e que tem inúmeras possibilidades. Se a criança ainda for pequena, vale só colocar uma música bem animada e convidar o filhote para balançar, girar e rebolar no mesmo ritmo.

Para os grandinhos, podem ser trabalhadas diversas opções, como: a dança das cadeiras, que pode envolver seu filho, os amigos, os vizinhos e quem mais animar. No centro da sala, coloque um número de cadeiras menor que o número de participantes. As crianças dançam em voltam das cadeiras e, quando a música para, todos devem sentar em uma das cadeiras. Quem ficar de pé, perde a rodada. O jogo se repete até que sobrem dois competidores disputando uma cadeira. Quem sentar nela, vence!

Há também a brincadeira da estátua. Nela, alguém deverá ser o DJ. A música começa a tocar e as crianças começam a dançar e quando o som é pausado, todos devem ficar imóveis. O DJ passeia entre eles, faz caretas e brincadeiras para que eles se movam. Quem se mover primeiro, perde a rodada.

Além dessas, existem várias músicas que são verdadeiras brincadeiras, nas quais você faz gestos e deixa de cantar algumas partes para trabalhar o cognitivo e a motricidade das crianças.

4 – Dispute adedanha ou stop

Sabe aquelas noites chuvosas em que a família está toda em casa, mas, por falta de ideias, todos vocês ficam assistindo televisão na sala? Então, essa é uma oportunidade para vocês se divertirem juntos. Como? Duas palavras: jogando adedanha!

O jogo consiste em entregar uma folha em branco para cada jogador. Define-se o número de colunas que todos devem preencher. Em seguida, o grupo define o que cada coluna representará (nomes, frutas, marca de carros, nome de filmes, etc).

O grupo sorteia um número e confere a letra do alfabeto que corresponde a esse número. Todos os jogadores começam juntos a escrever, em suas folhas, palavras que comecem com a letra sorteada, obedecendo o tema de cada coluna.

O primeiro jogador a completar sua folha diz: STOP! Todos devem parar de escrever. É feita comparação e ganha quem tiver escrito o maior número de palavras.

Com muita dedicação e um pouquinho de criatividade dá para inventar mil e uma formas de brincar e se divertir nesse dia das crianças! Se você conhece alguma brincadeira divertida e diferente, use o espaço dos comentários e compartilhe conosco!

Assinatura Bianca Torres

3.00 avg. rating (61% score) - 2 votes
Esse conteúdo foi útil?
3.00 avg. rating (61% score) - 2 votes

Fala pra gente o que achou

O seu endereço de e-mail não será publicado.