Pesquise por hashtags, nomes, e assuntos Pesquisar

Fechar

6 desenhos animados que mostram a importância da igualdade

A Barata Diz Q Tem


Seu filho não precisa saber, agora, o que é
gênero, raça, classe social e política. Mas mesmo longe dos conceitos ele já percebe, como habitante desse planeta cheio de diversidade, que não é exatamente igual ao irmãozinho, ao vizinho, ao coleguinha da creche, à criancinha que por algum motivo despertou alguma curiosidade lá no parque.

Nessa hora todas as nuances se transformam em interrogações inquietantes: “por que ele usa óculos?”, “por que a pele dela tem outra cor?”, “não há uma mamãe naquela casa?”, “é verdade que aquele menininho não consegue andar”? Responder a essas perguntas exige tato, paciência e muita didática de papais e mamães.

Não, a tarefa não é fácil mesmo. No entanto, a boa notícia é que a missão de educar conta com aliados importantes mesclando arte, ludicidade, diversão e, claro, lições essenciais que incluem a importância da igualdade e o respeito com relação às diferenças.

Sim, estamos falando sobre desenhos animados e criamos uma lista completa de 6 desenhos animados que mostram a importância da igualdade, são produções belíssimas para você assistir com os baixinhos. Confira:

O Show da Luna

Criado por Célia Catunda e Kiko Mistrorigo, a produção assinada pela TV Pinguim faz parte da safra de criações brasileiras que ganharam o mundo. A série exibida no Brasil pela Discovery Kids é centrada em Luna, uma garotinha de 6 anos que se define como “totalmente, incrivelmente e desesperadamente apaixonada por Ciências”.

É esse amor, aliás, que a leva a descobertas incríveis sobre o planeta, as pessoas e o meio ambiente. Tudo acompanhada pelo irmão, o fofíssimo Juca; e um inseparável furão chamado Cláudio.

A atração é mais do que indicada para crianças a partir dos 3 anos de idade e conta com momentos musicais cheios de didática. Fácil aprender, fácil cantar e fácil assimilar lições como o amor fraterno e a convivência sustentável em episódios curtinhos de até 12 minutos.

Inami

Papais e mamães já foram crianças um dia e sabem bem: crescer é uma saga. E é esse o foco de Inami, uma animação que é francesa, mas protagonizada por um indiozinho de 11 anos. Ou seja: uma criança que se diverte, se desenvolve e aprende sem aparatos tecnológicos. Belo começo, não acha?

Na realidade, o esperto garotinho que dá nome à atração vive na Amazônia e se prepara para a vida adulta. Exatamente por isso, se submete a um rito de passagem que o faz descobrir sobre a maravilhosa floresta em que vive, as tradições de seu povo, os Bellacaibos e até mesmo seus conflitos.

É aí que um detalhe interessante aparece: a melhor amiga de Inami é Hyaema, que nasceu em uma comunidade rival. Além dela, também fazem parte das aventuras uma divertida tatu-bola fêmea, Tatune.

O desenho é exibido atualmente pela TV Cultura, mas você pode ter uma prévia no player abaixo:

https://www.youtube.com/watch?v=R_oDp-TFzPQ

Tromba Trem

O que aconteceria se um elefante indiano sem memória viesse parar na América Latina? E se ele perambulasse por essa parte do mapa em um trem? Acredite: toda essa confusão rende excelentes histórias e é o motor de Tromba Trem, outra animação tupiniquim prontinha para fazer a festa da criançada com episódios de 11 minutos de duração.

Os protagonistas são Gajah, o destrambelhado elefante que sofre com amnésia, e seus nada típicos amigos: uma tamanduá vegetariana chamada Duda e uma colônia de cupins que juram ser de outro planeta.

Além dessas relações entre protagonistas totalmente diferentes, mas cheios de tolerância e bom humor, Tromba Trem também diverte por acontecer, em cada episódio, num lugarzinho diferente, incluindo desde o Rio Amazonas às paisagens dos Andes. Dá para conferir tudinho pela TV Brasil.

Meu Amigãozão

Yuri é um garotinho com certa dificuldade em dividir o que é seu; Matt é um baixinho espoleta que não pensa muito antes de se arriscar; e Lili uma menina teimosa e até meio mau humorada que acredita ser a dona da verdade.

O que o trio tem em comum? Para começar, são crianças que acabaram de entrar para a escola e vão encarar desafios complicados sobre convivência. Mas não é só isso. Todos eles têm amigos nada convencionais. Yuri vive grudado a Golias, um elefante azul, gordinho e sensível. Já Matt não abandona Bongo, um canguru verde e cheio de bolsos que adora desafiá-lo e fazê-lo pensar um pouquinho antes de tomar decisões. Por fim, Lili é companheira de Nessa, uma girafinha cheia de pose e com fofura em excesso.

A historinha feita para crianças a partir de 4 anos é resultado de uma parceria entre os brasileiros da 2D Lab e os canadenses da Breakthrough Animation e vai ao ar também pela Discovery Kids.

Milly e Molly

A duplinha já é velha conhecida na Nova Zelândia e surgiu de uma série de livros lançados por Gill Pittar em 1995. Fez tanto sucesso ao mostrar a amizade entre duas meninas de etnias diferentes que virou animação e se espalhou pelo mundo todo.

A história se baseia nas vivências de duas meninas. A primeira, Milly, é uma criança negra, de cabelos castanhos encaracolados e cheia de coragem. A segunda é sua inseparável melhor amiga, Molly, uma garotinha de cabelos claros e olhos azuis sempre disposta a ensinar sobre lealdade. Juntas, as duas vão descobrir a importância da igualdade, o verdadeiro significado de amizade e como vencer alguns probleminhas da infância.

Os episódios protagonizados pelas simpáticas garotinhas têm em média 10 minutos. Alguns podem ser conferidos até mesmo pelo YouTube.

Garota Supersábia

A série que vai ao ar pelo Discovery Kids é um convite irresistível a fugir de todos os clichês. Para começar, a animação é protagonizada por Rita Bastos, uma garotinha extraterrestre que caiu na Terra acompanhada de seu macaco, o Capitão Caretas. E mais: ela tem traços latinos e é uma heroína que tem como superpoderes a inteligência. Dizem até que aprendeu todas as palavras do dicionário aos dois anos de idade.

Com uniforme, capa e tudo mais que os quadrinhos convencionais não costumam oferecer às garotas — com raras exceções —, a pequena protagonista luta por justiça e bom uso da Língua Portuguesa, dando verdadeiras aulas a vilões como o Doutor Cérebro de Rato e a Dona Redundância. Enquanto isso, ensina quatro novas palavras à criançada em cada episódio.

Confira um pouquinho dessa atração divertidíssima no vídeo abaixo:

https://youtu.be/Nfg1dAURgH8?list=PLVy8ppkt4xoaj7xWPI-AJ_ugLLN7A5TA1

Gostou das nossas dicas? Que outros desenhos acrescentaria à lista para a garotada aprender de forma divertida sobre a importância da igualdade? Deixe seu comentário, amplie nosso post!

Assinatura Equipe

Esse conteúdo foi útil?
0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Fala pra gente o que achou

O seu endereço de e-mail não será publicado.