Pesquise por hashtags, nomes, e assuntos Pesquisar

Fechar

Dia das Crianças: confira as melhores brincadeiras para viagens de carro

A Barata Diz Q Tem

Aproveitar o Dia das Crianças para cair na estrada é uma opção para lá de interessante, pois é um tipo de programa que une pais e filhos. Porém, para ser esse momento especial que agrada toda a família, é preciso tomar planejar para que dê tudo certo. Passar horas e horas no trânsito, por exemplo, pode acabar com o bom humor de qualquer um e causar discussões. Por isso, é indicado tornar o trajeto também um momento divertido! Quer saber como o caminho pode ser sinônimo de alegria? Confira nossa lista com as 13 melhores brincadeiras para viagens de carro para todas as faixas etárias:

Palavras proibidas

Escolha 2 ou 3 palavras que não podem ser ditas por nenhum dos participantes. Vá aos poucos aumentando a complexidade: imagine só ter que ficar sem falar “sim” ou “não”, termos que usamos sempre? Para que ninguém fique sem assunto, você pode também mudar a regra, deixando que um por vez receba a proibição. Os demais ficam responsáveis por fazer perguntas a ele. A brincadeira acaba quando 10 perguntas forem feitas ou quando ele pronunciar uma das palavras erradas. Aí a vez passa para o próximo. Ganha quem conseguir responder mais sem errar.

Letra que comanda

Sorteie uma letra e, em seguida, uma categoria. Letra T e comidas, por exemplo. Um por vez, cada participante fala uma palavra relacionada a essas 2 categorias. Quem não lembrar de nenhuma perde a rodada. Ganha o último que ficar, e ele pode escolher a próxima letra e categoria.

Qual é a música? I

Fale uma palavra qualquer. Os outros participantes precisam cantar uma música cuja letra tenha essa palavra. Se você já tem filhos adolescentes, é legal também misturar e falar palavras em inglês e português.

Qual é a música? II

Outro jeito de brincar com músicas é usando a melodia. O escolhido canta — mas apenas com sons (palmas, sussurros, estalos etc.) — uma música, e os demais têm que adivinhar qual é a canção! Não vale cantar nenhuma palavrinha!

Cor dos carros

Cada um escolhe uma cor de carro (ou um modelo, se seus filhos forem ligados no assunto). A partir de então, vocês cronometram os próximos minutos e contam quantos carros de cada escolha passaram por vocês.

Fui para a lua e levei…

O primeiro a jogar escolhe um tema que norteará a brincadeira de adivinhação, sem contar para ninguém. Coisas que se vendem no mercado, acessórios de cabelo, frutas de determinada cor… não há limites! A partir daí, ele diz “fui para a lua e levei…” e preenche com uma palavra que caiba no tema que ele escolheu. Se foram os acessórios de cabelo, por exemplo, ele pode dizer “fui para a lua e levei uma tiara”. O próximo jogador também escolhe o que levará para a lua. Se ele falar presilha, por exemplo, pode ir para a lua. Se falar brinco, o locutor não deixa ele viajar. Às vezes acontecem muitas rodadas até que alguém adivinhe qual é a regra que está por trás da brincadeira.

loja A Barata Diz Q Tem

Adivinhe o que é

Essa brincadeira é legal para quem tem filhos mais novos. Peça para que a criança feche os olhos e dê nas mãos dela um objeto. Apenas com o tato, ela deve adivinhar o que é. Para ficar mais difícil, você pode pedir que ela adivinhe apenas com os pés em vez das mãos!

Era uma vez…

Comece a criar uma história, mas só até um determinado ponto. O próximo deve continuar de onde você parou. Além de estimular a criatividade, narrativas bem engraçadas normalmente saem desse jogo! Você pode começar, por exemplo, com “era uma vez um sapo…”, e o próximo completar com “…que queria ser uma princesa”. E por aí vai…

Placa criativa

Escolha a placa de um carro que está perto de vocês. Cada um tem que inventar uma frase com as 3 letras que a compõem. Também costumam surgir coisas bem engraçadas dessa atividade!

Placa matemática

Essa brincadeira também envolve placas, mas o desafio é um pouco mais complexo: você escolhe uma placa e soma os seus números. Os demais têm que achar uma outra placa cuja soma seja a mesma. Quem resolver o problema primeiro é o vencedor.

Eu vou viajar e vou levar na mala…

Quem começa a brincadeira deve citar um objeto que levará na mala, começando com a frase “eu vou viajar e vou levar na mala…”. Um boné, por exemplo. O próximo acrescenta outro objeto, mas sem excluir o primeiro: “eu vou viajar e vou levar na mala um boné e um sapato”. Cada um, na sua vez, deve aumentar a frase até chegar o momento que não se lembram mais da ordem.

Adivinhe o personagem

Quem quiser começar escolhe um personagem famoso, mas sem contar para ninguém. Os demais fazem perguntas sobre suas características para tentarem adivinhar quem é a pessoa que o escolhido está pensando. Nesse caso, só vale responder sim ou não. Valem perguntas sobre a aparência (ele é loiro?, ele é alto?, ele é magro? etc.) ou sobre as atividades que o personagem faz (ele canta?, ele atua?, ele joga futebol? etc.). Quem acertar ganha um ponto.

Verdade ou mentira?

Uma das pessoas conta uma história ou uma explicação. Pode ser algo como “filosofia é uma palavra latina que significa filo: fio e sofia: ciência”. Os outros têm que adivinhar se o que foi falado é verdade ou mentira. Essa brincadeira para viagem é legal porque vale para todas as idades, basta filtrar o tipo de conteúdo. Se o seu filho for bem mais novo, por exemplo, você pode dizer “ontem, no lanche da escola, tinha suco de laranja”. Vale tudo!

Sugestões das crianças

Você também pode deixar que os pequenos sugiram atividades para que todo mundo se distraia. Pode ser com alguma coisa que aprenderam na escola ou com temas que gostam. O importante é que eles façam parte desse momento.

Você conhece outras boas brincadeiras para viagens de carro que ajudam a controlar a ansiedade da espera e curtir o caminho? Deixe suas dicas em nosso campo de comentários!

4.00 avg. rating (78% score) - 2 votes
Esse conteúdo foi útil?
4.00 avg. rating (78% score) - 2 votes

Comentários

  1. […] também é muito maior. Afinal, ter tempo para um jantar em família, passear juntos ou até mesmo viajar de carro no feriado nunca é ruim para a meninada, não é […]

Fala pra gente o que achou

O seu endereço de e-mail não será publicado.