Pesquise por hashtags, nomes, e assuntos Pesquisar

Fechar

Férias de julho: 5 lugares educativos e divertidos para levar seu filho

A Barata Diz Q Tem

Julho está aí e com ele as temperaturas deliciosas de inverno. Pra você, claro. Porque se pedir para que os baixinhos completem a mesma frase, vai receber um sonoro “as férias!”.

Pois bem, antes de ser um adulto cheio de atividades, compromissos e experiências maravilhosas como papai ou mamãe de pequenos cheios de energia, você também já foi uma criança. E, com certeza, se lembra de todas as expectativas gostosas desta época do ano.

Afinal, menos afazeres escolares significam mais tempo livre para passar com a família, brincar com amiguinhos e priminhos e, claro, aprender!

Sim, aprender. Lembrem-se, papais e mamães: férias de julho também são momentos de descobertas e experiências pedagógicas cheias de diversão.

Quer algumas dicas para programar uma agenda infantil exatamente assim? Então continue lendo nosso post.

Ingressos na mão: vá ao cinema e ao teatro

Se curtir peças infantis aguça a sensibilidade da molecada e a coloca em contato com conteúdos artísticos, fantásticos e lúdicos, imagine que maravilha é dividir essa experiência com a família toda! Exatamente por isso, embarcar rumo a programas culturais é uma viagem mágica que vale a pena fazer.

Quer mais? Atividades assim ajudam na socialização dos pequenos, que terão contato com outras crianças. O mesmo se repete no cinema. Para as férias de julho deste ano, aliás, a sétima arte promete filmes de peso entrando em cartaz.

Passeie por parques naturais

Pedalar ou caminhar em parques ambientais é uma delícia completa: além de significar um programa ao ar (puro) livre e de movimentar o corpo, a ideia de um passeio nessas áreas é fantástica para ensinar respeito à natureza e promover o contato da garotada com espécies da fauna e da flora. Isso sem falar, claro, na grande chance de estreitar ainda mais os laços familiares.

Portanto, programe uma voltinha assim no parque mais próximo. Diversão marítima? Também é excelente. Se a ideia for pegar a estrada para aproveitar ainda mais as férias de julho, uma possibilidade para quem desembarca ou está em São Paulo é passar pelo Aquário de Santos. O espaço tradicional abriga pelo menos 150 espécies e mais de 4 mil animais marinhos.

Visite (e se maravilhe em) parques temáticos

Diversões temáticas são ótimas para risada coletiva, entretenimento em família e muito aprendizado. Um belo exemplo de locais assim fica no sul do país, pertinho de Gramado e Canela, no Rio Grande do Sul. Por lá, o Vale dos Dinossauros é opção mágica para os baixinhos conhecerem reproduções gigantes das espécies pré-históricas que passaram pela Terra e, claro, chance inigualável para que papais e mamães passeiem por uma homenagem belíssima a Jurassic Park, clássico de Spielberg nos anos 90.

Na mesma parte do mapa também há o Terra Mágica, mistura de playground, parque de diversões e um imenso espetáculo de arte com mais de mil esculturas para encher os olhos e maravilhar a família inteira.

Tenha férias de julho em estilo “nham nham nham”

Uma forma divertida – e gostosa – de aproveitar o descanso escolar é promovendo passeios gastronômicos. Para isso, vale levar a família a restaurantes com comidas típicas, mostrando diferentes sabores e um bocado de história aos pequenos, por exemplo.

Quer algo ainda mais espetacular? Então vá até Vitória, no Espírito Santo, e ofereça aos baixinhos a chance de conhecerem como guloseimas de chocolate são feitas no Chocotur da Garoto que inclui passeios nos bastidores de fabricação e, claro, degustações para a família toda se lambuzar.

Ler nunca é demais: conheça bibliotecas mirins

Quem disse que os livros devem ser esquecidos nas férias? Quem disse que bibliotecas são espaços só com prateleiras cheias deles? Em diferentes partes do país há locais cheios de magia e obras incríveis para a criançada.

No Rio de Janeiro, por exemplo, a Biblioteca Infanto-juvenil Maria Mazzetti  é área irresistível para os pimpolhos dentro da Casa Rui Barbosa, com mais de 10 mil títulos à disposição.

Já em Belo Horizonte a melhor pedida é a Biblioteca Pública Infantil e Juvenil  da terrinha do pão de queijo. Por lá os pequenos encontram pelo menos 20 mil livros e mais de 25 mil revistas em quadrinhos.

Mora ou está passeando em Salvador com os herdeiros? Então leve-os à Biblioteca Monteiro Lobato. O local que leva o nome do mestre da Literatura, pai de Emília, Narizinho e Dona Benta tem acervo riquíssimo com quase 30 mil livros e ainda o espaço Memória do Gibi.

Curtiu nosso guia? Quais dessas opções pretende incluir no roteiro infantil das férias de julho? Que outras sugestões daria para outros papais e mamães? Deixe seus comentários e até o próximo post!

Assinatura Equipe

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes
Esse conteúdo foi útil?
0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Fala pra gente o que achou

O seu endereço de e-mail não será publicado.